Menu Fechar

Custos de Produção – a importância do cálculo

custos de produção

Numa empresa industrial, temos de conseguir apurar os custos de produção de cada artigo que produzimos.

Este ponto é de uma importância extrema, pois só conhecendo o real custo, podemos definir um correcto preço de venda.

Que custos entram para a formação do Custo de Produção?

Todos os custos que a empresa tenha, desde os óbvios, como a Mão de Obra Directa e as Matérias Primas, até aos menos óbvios, como os custos administrativos. Todos os custos existentes são importantes para definir o custo de produção de cada unidade de cada artigo produzido.

Como posso obter esta informação?

Os Custos de Produção são apurados através de um sistema de contabilidade de gestão, que difere da típica contabilidade financeira. A contabilidade de gestão reparte os custos de forma diferente da contabilidade financeira, permitindo assim obter informação mais relevante para a equipa de gestão.

É simples montar um sistema de Contabilidade de Gestão?

A resposta a esta pergunta é simples, é um processo muito complexo. Se não tiver experiência em contabilidade de gestão, é um processo muito moroso, complexo e de dificuldade técnica elevada. Deste modo, aconselho a encontrar um consultor que o ajude a montar o sistema, pois os consultores têm experiência e kwon-how suficiente para o ajudar.

Nem todos os contabilistas estão à vontade com estes sistemas, pois não é algo corriqueiro, é algo muito específico, se não quiser contratar um consultor, pode contratar um contabilista com experiência em contabilidade de gestão.

Agora, é muito importante ter o custo unitário de cada produto devidamente previsto, calculado e analisado potenciais desvios no preço, pois podem acontecer muitas situações que alteram o custo de produção unitário, como a matéria prima mais cara, menos rentável, mais tempo de produção, uma quebra de produtividade, etc. Este tipo de informação pode fazer toda a diferença na vida da sua empresa, permite tomar decisões atempadas e informadas.

Se tiver questões ou sugestões sobre este tema, contacte-nos

Partilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *